Serviço em nuvem da Amazon pode estar se preparando para armazenar a criptomoeda Chia (XCH)

Ticker

10/recent/ticker-posts

Serviço em nuvem da Amazon pode estar se preparando para armazenar a criptomoeda Chia (XCH)


Foto: Shutterstock



AWS (Amazon Web Service), plataforma de computação em nuvem da Amazon, já pode estar preparada para receber os mineradores da Chia (XCH), criptomoeda lançada nesta semana pelo criador do BitTorrent, Bram Cohen. A informação foi revelada na sexta-feira (07) pelo The Block, que compartilhou o link para a página em chinês da companhia. No entanto, a publicação da gigante de tecnologia não está mais disponível.

Não se sabe ao certo o que ocorreu — se foi uma antecipação equivocada, por exemplo. Segundo o site, quando ativa, a página da campanha fornecia um tutorial de como gerar endereços de carteira Chia. Em outro ponto, a publicação sugere que o serviço pode estar voltado especificamente para usuários chineses.

Contudo, o que se pode afirmar é que a notícia correu o suficiente para animar o mercado da Chia, que dobrou de preço em 24 horas depois. Conforme dados no Coinmarketcap — que também replicou o assunto — na sexta, a XCH estava cotada na faixa de US$ 600; neste sábado, cerca de US$ 1.300.
Criptomoeda Chia

A Chia nasceu com o objetivo de trazer de volta a mineração doméstica com a promessa de que seu protocolo de consenso chamado “prova de espaço-tempo” (PoST) gaste menos eletricidade que muitas outras criptomoedas. “O PoST substitui o Proof of Work, que desperdiça grandes quantidades de energia”, diz um trecho de seu white paper.

Segundo a empresa, o método de mineração da Chia se torna diferente porque não necessita de GPUs e ASICs potentes para concluir cálculos e obter lucros, como ocorre com o Bitcoin, por exemplo. Seu rendimento ocorre proporcionalmente à quantidade de espaço de armazenamento, ou seja, o armazenamento em nuvem pode ser um grande aliado do usuário.

Sem perder tempo, a fabricante de hardwares taiwanesa TeamGroup anunciou na última terça, o lançamento de um SSD com capacidade de 12 Terabytes voltado exclusivamente para mineração da criptomoeda Chia (XCH).